Páginas

12 de set de 2013

COMPROMETIDA


COMPROMETIDA
A Maldição de Salomé


Título: Comprometida
Autor: Márcia Albuq
Páginas: 159
Publicação: Clube dos Autores



A autora foi muito feliz na escolha do tema. Ela vai nos levar a sentir curiosidade, trabalhando o imaginário, com uma história de um povo nômade com outros costumes, tradições, cheios de magia e encantamento.
Quem nunca viu uma comunidade cigana chegar  num determinado lugar?
As mulheres com suas roupas coloridas, com os olhares misteriosos, um ritmo de dança alegre, festivo. Lendo a sorte, o comercio de venda de bijuterias, tachos. Muito já se foi dito a respeito de ciganos, e muito ainda será dito.

Esta história vai começar no litoral da Paraíba, tendo o sol e o mar como testemunhas. Vamos conhecer Cassiano líder do clã, Ávila, hábil comerciante, sábio e calmo, Dali, amiga inseparável de nossa heroína Luna, Brida a feiticeira parteira, e  também Felix, o velhinho da praia.
Apesar da pouca idade, Luna já tem seu destino traçado pelo pai, seria esposa de Bhaskar, só que depois de um trágico acidente quando crianças separou Luna de seu destino, teria que casar com uma pessoa que nem se quer sabia estar vivo, como era uma filha obediente ao pai e as tradições até então nunca questionou sua união com um desconhecido, viviam de um lugar a outro a procura de um paradeiro, uma notícia que pudesse fazer com que encontrassem Bhaskar.
Luna e Dali saíram á escondidas para conhecer o local, caminhando por entre a viela e foi com grande surpresa que se depararam um enorme painel, repleto de páginas de caderno, algumas coloridas, aos poucos perceberam que eram cartas, milhares... Lá continha, lamentos, cartas de amor, pedidos de perdão, suplicas!
Na primeira apresentação ao público das danças ciganas, um olhar enigmático fez com que toda a vida de nossa ciganinha mudasse, veio Pierre, fazendo nascer o amor neste coração puro. Sua obediência já não mais podia existir, a atração era maior, o desejo de sentir seus lábios, queimava como fogo. E que a levou ao desespero, a solidão e por pouco não a leva a morte. Já de posse deste amor, sem ter forças para lutar, ela escreve uma carta, onde abre seu coração para Bhaskar.

Querido.

É com muita tristeza que te escrevo essa carta.Espero que esse muro nos traga a sorte deste encontro. Desde pequenina fui a ti prometida e te esperei como quem espera o sobro para poder respirar.

Te esperei porque a ti devotaria todo amor que há em mim, e confesso que sempre quis isso, mas não sei se foi o destino ou uma força maior, tudo mudou, você se perdeu no mundo e minha família vive em uma busca incessante para que meu pai cumpra essa promessa.

Não sei como estás hoje, mas queria que soubesse que sempre fui a ti fiel. Esperei por ti até o dia que meu coração começou a bater por outra pessoa.

Perdoa-me, não posso mais ser a tua prometida, porque meu coração não obedece a mais ninguém, ele agora tem sonhos que tu apesar de distante nunca me permitiste sentir, fantasias que não cabem dentro de mim, elas necessitam voar, ser livres.

Desejo querido, que tenhas encontrado alguém que seja capaz de te fazer sentir o que sinto hoje, porque se tu fores capaz de sentir isso, sei que já estou perdoada, porque com certeza estarás amando.

Com amor, Sara

(Trecho das páginas 71 e 72 )

Vamos conhecer os mistérios que envolviam os antepassados de Luna, os segredos. as consequências das promessas não cumpridas. Só ai vai ser revelada, A Maldição de Salomé. Depois de encontros e desencontros, Luna poderia ser até banida de seu clã.
Muitas interrogações serão feitas: Bhaskar voltou? Que foi feito de Pierre? O que é a maldição...?
Eu adorei a leitura, bem rápida, o tema é muito bom. Letras de bom tamanho, facilitando a leitura de quem já não tem a visão tão boa.
Não gostei muito da capa, achei muito séria para mostrar a alegria e o fascínio cigano, o que tenho certeza que a autora vai compensar no próximo livro.
Teremos um próximo livro, INDOMÁVEL, mas nada que tenha comprometido o final do primeiro livro


Eu li e recomendo.

Sandra Alvarenga

Lincoln Ribeiro
Aluno: E.E.Marlene Martins Reis/Pratinha

2 comentários:

  1. Obrigada Sandra pela resenha tão carinhosa.
    Não se preocupe com a capa, Indomável vai ser mais alegre minha amiga, garanto!!!
    Um abraço enorme!!!!
    bjsssssss

    ResponderExcluir
  2. muito Boa a Resenha,com um livro Bom como este nã tem como a resenha não se boa não e verdade....
    Concordo com você na parte da capa Sandra e acho que a nossa querida Márcia Albuq tem que compensar no livro Indomável

    ResponderExcluir